cat-535011_1920

Quando nada está acontecendo

Olhe em volta. Está tudo como ontem. Nada fora do lugar – ou tudo fora do lugar, exatamente como você deixou.

Mas não será sempre assim. Fique um tempo observando. O vento vem, traz nova poeira. Se você assim deixar, ela se acumula, e a cada dia seu espaço estará mais e mais submerso no resto cósmico que vem e se acomoda em seus móveis, como carpete alérgico que não se importa com sua opinião sobre “se as coisas estão diferentes ou não”.

E de fato não se importa.

person-731267_1920Os olhos deprimidos se fixam no tapete, já precisando ser lavado. Acima, a lâmpada pisca, ameaçando falhar para sempre.

E você percebe que, diferente do que pensava, nada é como ontem. Tudo muda, a cada dia, mesmo que seja uma nova partícula desconhecida pousando em seu ombro.

Bata suas roupas, livre-se do pó e levante-se. Mesmo aquilo que parece não mudar está sempre em movimento. Se você quer que tudo continue como está, faça a manutenção para tal.

Oh, mas… espere! A manutenção é trabalho, e trabalho leva à evolução.

Não, impossível. Nada nunca continua como está. Estamos em constante mutação, mesmo que não notemos de início. Se olharmos todos os dias a planta que cresce espremida no vaso, não notaremos diferença. Mas de tempos em tempos conseguimos ver que há folhas novas, e que as velhas caem, gerando o ciclo infinito do movimento universal.

E nós fazemos parte deste ciclo.

Quando nada está acontecendo, é porque tudo o que acontece debaixo de seu nariz não está sendo percebido. Quando nada está acontecendo é que tudo está acontecendo.

3 comentários sobre “Quando nada está acontecendo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *